Your Dreams
A vida te da portas saiba escolher,porque erros hoje , consequências amanha...
+

   Faz tempo que eu não escrevo faz tempo que eu não me expresso, faz tempo que eu não sonho ,sera que tudo isso e um sinal de uma faze, que eu vou perde o sentido da vida vou para de sonhar para de amar o amor me parece tão mentiroso tão escuro, e a mentira que estar tudo bem esta me confortando cada vez mais , e assim que acaba tudo …. ?

   Em meio de toda essas incerteza você me apareceu eu não sou um  cara perfeito longe disso.Segure minha mão mais que um amigo mais como um cara que você vai inverti seu amor, sé vc depositar de darei a confiança que você merece, e o amor retribuirei com esse texto logo chato eu te penso que cuidar do meu  coração por min sege minha cardiologista. 

“Não fuja da verdade só porque ela o assusta.”
Caso 39 (via delator)

pequena e linda , pequena mais sempre grande .Grande atitude verdadeira, tbm sempre bom conversa ,sempre bom vela  se trata de uma pessoa extraordinária fofa simpática não gosta dele e uma missão difícil, complicada e não se apaixona mais ariscada ainda. Medo um só que eu consegui ver aranha mais quero que esse medo sege seu ponto forte porque vejo que ela e forte vai ser mais uma qualidade em muitas.

“Gente fina é aquela que é tão especial que a gente nem percebe se é gorda, magra, velha, moça, loira, morena, alta ou baixa. Ela é gente fina, ou seja, está acima de qualquer classificação. Todos a querem por perto. Tem um astral leve, mas sabe aprofundar as questões, quando necessário. É simpática, mas não bobalhona. É uma pessoa direita, mas não escravizada pelos certos e errados: sabe transgredir sem agredir. Gente fina é aquela que é generosa, mas não banana. Te ajuda, mas permite que você cresça sozinho. Gente fina diz mais sim do que não, e faz isso naturalmente, não é para agradar. Gente fina se sente confortável em qualquer ambiente: num boteco de beira de estrada e num castelo no interior da Escócia. Gente fina não julga ninguém - tem opinião, apenas. Um novo começo de era, com gente fina, elegante e sincera. O que mais se pode querer? Gente fina não esnoba, não humilha, não trapaceia, não compete e, como o próprio nome diz, não engrossa. Não veio ao mundo pra colocar areia no projeto dos outros. Ela não pesa, mesmo sendo gorda, e não é leviana, mesmo sendo magra. Gente fina é que tinha que virar tendência. Porque, colocando na balança, é quem faz a diferença.”
Martha Medeiros.     (via delator)